1 de set de 2009

Alternativa possível

Eu me sentia como se fosse destinado a ser um assassino, um ladrão de banco, um santo, um estuprador, um monge, um eremita. Precisava de um lugar isolado para me esconder. Os cortiços eram desagradáveis. A vida dos homens são e medianos era tediosa, pior que a morte. Parecia não haver alternativa possível. A educação também me parecia ser uma armadila. A pouca educação que eu obtive me fez ficar ainda mais desconfiado. O que eram os médicos, os advogados, os cientistas? Apenas homens que se deixaram privar de sua liberdade de pensar e agir como individuos.
Bukowski - Misto Quente

2 comentários:

Fábio R. J. da costa disse...

muito bom o seu blog;

como um grande fã do bukowski
possuidor de toda a sua obra literaria traduzida para o portugues, eu adimito que vc tirou boas citações; e montou de forma bem organizada;
parabéns

jbrfranca@gmail.com disse...

Como bom apreciador do velho Buk, como vc, eu acredito ter muitos livros dele também. Valeu.